Unileão realiza Colação de Grau 2018.2

Segunda-Feira - 11/02/2019


Com uma solenidade cheia de emoção, agradecimentos e sensação de dever cumprido, a Instituição conferiu grau a 800 novos formandos.

A Colação de Grau 2018.2 da Unileão aconteceu na noite da última sexta-feira (8), no Boulevard Recepções, e foi marcada por falas de gratidão, de ensinamentos e de conselhos para os jovens formandos.

A solenidade contou com diversas autoridades da Região, entre elas a Irmã Rosa Maria, representando o Hospital e Maternidade São Vicente de Paula, Jerônimo Freire Neto, coordenador geral da Associação dos Jovens Empresários do Cariri, Dr. Adécio Feitosa, diretor da OAB-CE, e José Nildo Rodrigues, chefe de gabinete do prefeito de Juazeiro do Norte, que não pôde estar presente no evento.

Memória

O prof. Vladenir Menezes, fundador da Faculdade Leão Sampaio, hoje Unileão, foi homenageado durante a solenidade. Como de costume, uma cadeira vazia foi reservada em memória ao professor, e, durante o discurso da Pró-Reitora de Gestão Acadêmica, profa. Sandra Figueiredo, o docente foi lembrado como educador e empreendedor.

“Cearense inquieto, guerreiro e visionário, que não poupou esforços para idealizar e realizar seus sonhos e um deles foi a Faculdade Leão Sampaio”, acrescentou a profa. Sandra Figueiredo. Segundo a pró-reitora, um dos anseios do prof. Vladenir era o de disseminar uma educação de qualidade na Região do Cariri.

Esse desejo foi alcançado, como frisou o reitor da Instituição, prof. Jaime Romero. O reitor afirmou que o prof. Vladenir Menezes ficaria orgulhoso de participar da solenidade e sentir que o Centro Universitário cumpriu e continua cumprindo com a missão de formar cidadãos humanos e capacitados para o atendimento das necessidades de um mercado futuro.

Inovação

Em seu discurso, o prof. Jaime Romero também parabenizou os concluintes pelo fechamento de um ciclo em suas vidas e destacou o potencial que os formandos, agora novos profissionais a serem inseridos no mercado, têm para melhorar não apenas a atual situação econômica do país, mas, principalmente, a situação social e ambiental do Brasil.

O vice-reitor da Unileão, prof. Deoclécio Said, foi outro orador da noite. Ele reforçou a fala do prof. Jaime Romero e ressaltou a responsabilidade dos formandos em pensar práticas que auxiliem no desenvolvimento social, sem o comprometimento do meio ambiente. Falou sobre a importância dos formandos atentarem aos avanços tecnológicos e da necessidade de inovar.

Emoção

Emocionada, a formanda do curso de Fisioterapia Yolanda Rakel Alves Leandro Furtado afirmou que o sentimento pela colação era o de gratidão. Ela esteve entre os concluintes que se destacaram e que, na solenidade, receberam bolsas integrais para o estudo em uma das pós-graduações de suas escolhas do Centro Universitário Doutor Leão Sampaio. “A Unileão representa o aprendizado para vida e a oportunidade de realização de um sonho que está se cumprindo”, disse.

Homenagem

Representando os docentes da Unileão, o prof. Manoel Leal da Costa Neto recebeu uma homenagem do prof. Jaime Romero. Feliz e lisonjeado com o gesto do reitor, o docente enfatizou a responsabilidade, enquanto professor, de participar da formação de jovens que irão trabalhar em prol de uma sociedade melhor.

“A Unileão tem cumprido com maestria esse papel de auxiliar na realização de sonhos e vem contribuindo não apenas para o Cariri, mas para o Brasil como um todo com o seu modelo inovador de educação”, comentou.




Categorias: Notícia |


Notícias Relacionadas